segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

Antes que chegasses...





Antes que chegasses, encostei ao coração
a memória imaginada do teu rosto.
E comecei a amar-te quando disseste,
em segredo, quanta neve caiu sobre o teu peito.
Agora tudo será indelével nas palavras que me dizes.







Graça Pires
Em 'Quando as estevas entraram no poema'.
Foto Daniel Oliveira

19 comentários:

Vieira Calado disse...

A Graça é uma grande poetisa!

Obrigado pelos votos em relação ao lançamento do meu livro, no meu blog.

Bem hja

Graça Pires disse...

Elizabeth, minha Amiga, muito obrigada pela divulgação. Um beijo.

Lancelot disse...

May every and each one of your dreams, wishes, and desires, come true, beautiful Poet.

PreDatado disse...

Muito bonito. Gostei da figura que utilizou para retratar um coração frio.

gisela ramos rosa disse...

Belíssimo poema. Boa escolha!
Um abraço, Gisela Rosa

Nilson Barcelli disse...

A Graça é uma poetisa madura.
Tudo o que ela escreve é quase perfeito, porque não existe a perfeição na poesia.
Beijinhos.

manzas disse...

Bonito texto, muito bem acompanhado de uma bela foto...Da gosto ler.

Nilson Barcelli disse...

Cara amiga, boa semana para vc.
Beijinhos.

fred disse...

É um ótimo poema, sim, mas vim, sobretudo, para agradecer a visita ao meu blog e comentário. Você foi generosa, tirando aquela última quadra o poema é péssimo.
Beijos

O Profeta disse...

Passei para te deixar um terno beijo...

ASAS disse...

Bom de ler e bom de ver...

Cássia disse...

Acredita que este foi o poema que mais gostei do livro?
Coincidência?
Belíssima postagem!
Bjos

Nilson Barcelli disse...

Como não novo post, desejo-lhe "apenas" um Bom Natal.
Beijinhos.

Victor Oliveira Mateus disse...

Belo poema da Graça, que tão bem sabe encostar o coração à memória de tudo...
Um bejo, Elizabeth.

Sonia Schmorantz disse...

Perfeito, impossível não apreciar.
Um feliz natal.
Abraços

O Profeta disse...

Sabia apenas que era um pequenino naquela longa noite
No celeste um luminoso sorriso me chamava
Lançou-me aos olhos raios de deslumbrante luz
Era a minha prenda, uma brilhante…Estrela Alva…

Um Mágico Natal para ti querida amiga que ao longo deste ano me visitaste. Que a Estrela Alva te ilumine neste Natal.



Mágico beijo

manzas disse...

Para vós amigos… de reflexão,
uma natividade de prosperarão
e um ano novo também,
de rostos risonhos,
com realizações de vossos sonhos…
Num vislumbrar de um novo mundo
poetizar a paz e harmonia
cantando todos de mãos dadas
na sintonia da alegria.

Um Bom Natal.

Sonia Schmorantz disse...

Aceitei a mão que me estendeste
e toda a amizade que me ofereceste.
Soem todos os sinos!
É Natal!
Que Cristo te traga a paz,
a harmonia,
a felicidade!
Que possamos juntos
curtir essa eterna amizade.
Feliz Natal!

Miguel Barroso disse...

Belo.



Abraços d´ASSIMETRIA DO PERFEITO